Entrar

Escolas de Samba

São Clemente

G.R.E.S. São Clemente

Acompanhando o interesse pelo futebol, no ano de 1951, jovens do bairro de Botafogo participavam de uma equipe nas cores azul e branca chamada São Clemente Futebol Clube, em homenagem a rua que moravam. Freqüentemente faziam excursões para jogar em outras comunidades. Numa dessas excursões, com destino à Bananal - RJ, o grupo se reuniu em frente à Vila Gauí na Rua São Clemente nº 176 no bairro de Botafogo e, enquanto aguardava o início da viagem, Ivo da Rocha Gomes avistou na porta de uma quitanda duas barricas vazias de uva, que de imediato transformou em instrumentos de percussão para uma animada batucada.

A empolgação foi tanta que Ivo resolveu criar a partir daquele momento um “bloco de sujo” que passou a desfilar no Carnaval pelo bairro de Botafogo com a cor azul e branca.


Durante dois carnavais, o bloco cresceu em componentes conquistando apoio e admiradores. Foi quando, em 29/07/1953, Ivo, torcedor do Fluminense F.C., foi assistir no Estádio das Laranjeiras o amistoso internacional do seu querido Fluminense 0 x 1 Penharol. Mesmo com a frustração do resultado adverso, Ivo ficou impressionado com as cores preto e amarelo da camisa do adversário e resolveu, após consulta a seus companheiros, mudar as cores do time e do bloco que dirigia do azul e branco para o preto e amarelo.

A cidade merecia uma escola de samba representante da Zona Sul. Com ousadia e espírito empreendedor, foi visitar o Sr. Eurico Moreira, diretor da Associação das Escolas de Samba do Brasil (A.E.S.B.) que, após escutar o pedido, autorizou o bloco a preparar uma apresentação de carnaval que seria julgada o merecimento para tão sonhada transformação. Foi um tremendo corre-corre...

Como não havia um local adequado para tal apresentação, o bloco ensaiava no estacionamento da Cia Iansã de Automóveis, foi procurado o Sr. Moacir Vinhas, que encaminhou Ivo e um grupo de amigos para falarem com o Sr. Carlos Alberto (Bebeto) que fazia parte da Diretoria do C.R. Flamengo. No encontro, Bebeto conseguiu a liberação para que a apresentação fosse feita na sede da Gávea.

O dia da avaliação chegou 25 de outubro de 1961. Aquele momento era o dia mais importante para o grupo de jovens que estavam vivendo um sonho: transformar seu bloco de embalo numa respeitosa Escola de Samba. A comissão de avaliação da A.E.S.B. foi constituída pelos senhores: Heitor Servan, Eurico Moreira, Walter Januário, José Calazans, José Ferreira, Austeclínio da Silva, Joaquim Teotônio, João Paiva dos Santos e Procópio Caetano.

Após a apresentação, a comissão aprovou por unanimidade, passando a agremiação se chamar Grêmio Recreativo Escola de Samba São Clemente.

  • Fundação: 25/10/1961
  • Cores: Amarelo e Preto
  • Presidente: Renato Almeida Gomes
  • Quadra: Av. Presidente Vargas, 3.102 -Centro, Rio de Janeiro - RJ Centro Cultural da São Clemente Rua Moncorvo Filho, 56
  • Telefones da Quadra: (21) 2223-0641
  • Barracão: Cidade do Samba (Barracão nº 09) - Rua Rivadávia Correa, nº 60 - Gamboa - CEP: 20.220-290
  • Telefone do Barracão: (21) 2253-3776
Mais nesta categoria: « Grande Rio Unidos de Vila Isabel »
Entre para postar comentários
 

Newsletter

Quem está online

77 visitantes e Nenhum membro

Entrar or Criar uma conta